sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Oscar Wilde

Sempre! Que palavra horrível! Estremeço só de ouvi-la.As mulheres gostam muito de emprega-la. Estragam todo e qualquer romance tentando fazer com que dure pra sempre. É também uma palavra sem sentido. A única diferença entre um capricho e uma paixão eterna é que o capricho dura um pouco mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário